Não há de quê

Tarde nebulosa

uma mente em pesquisa

a inquietação de dois amantes

a luz sobre a benção de um pai

(chá refrescante)

companhia no assento ao lado

sono cansaço tesão incontrolável

a música de pensamentos/o resbalo do vento

R$ 2,45 pelo passeio, não há de quê.

  • por Luiz Eduardo

4 thoughts on “Não há de quê

  1. Me lembra aqueles textos que fazem com que a gente sinta o calor daqueles dias quentes, laranjados. De histórias que se passam em quartos de motel, sobre amantes.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s